Resultado da pesquisa (3)

Termo utilizado na pesquisa teníase-cisticercose

#1 - Taeniasis-cysticercosis complex in the agrarian reform rural settlements, Brazil

Abstract in English:

Thousands of families live in agrarian reform rural settlements, these existing in Brazil since the 1980s. Factors such as agglomerations of families living in the same environment and the production of domestic animals can promote the transmission and maintenance of zoonosis in these areas. The epidemiology and geographic distribution of zoonotic diseases in settlement communities need to be highlighted. The present study aimed to investigate the prevalence, risk factors and spatial distribution of the teniasis-cysticercosis complex in the agrarian reform rural settlements in the state of Minas Gerais. A total of 497 family farming properties, distributed in 52 settlements, were randomly selected and sampled. Biological samples of humans, cattle and pigs were collected and processed. Survey questionnaires were applied in each family farming property to collect data on animal production as well as sanitary, hygienic and social conditions of each family. Human fecal samples were analyzed for detection of teniasis infection, while animal blood samples were collected and subjected to serological testing to detect the cysticercosis infection. A total of three (0.35%) positive cases of human teniasis were identified, 64 (4.2%) of bovine cysticercosis and 17 (3.3%) of swine cysticercosis. Prevalence per family farming unit was 0.6% (3/497) of taeniasis through fecal test, 5.8% (17/294) for swine cysticercosis and 11.1% (52/469) for bovine cysticercosis. The spatial profile for human teniasis and swine cysticercosis were clustered in two different regions, while bovine cysticercosis showed a dispersed geographical distribution. Two risk factors were associated with the occurrence of bovine cysticercosis: stream as source of water (p=0.009) and the environment as destination of sewage (p=0.031), while burning of garbage was shown to be a significant protective factor (p<0.001). Risk factor for swine cysticercosis was associated with the presence of free range pigs (p=0.008) and the environment as the destination of sewage (p≤0.024). The low number of positive human taeniasis did not allow statistical analysis. These zoonotic diseases represent a significant risk to public health because of their occurrence in livestock which are produced for both beef consumption and for commercialization. Significant endemic areas in the state of Minas Gerais have been determined in this study, and these discoverments suggest the importance of further investment in public health education about teniasis-cysticercosis transmission, the improvement of sanitary facilities for the settlements such as source and treatment of water and adequate destination of sewage. Integrated actions between the human, animal and environmental health sectors, at local and regional levels are needed, aiming at the adoption of effective public policies for the control and eradication of the teniasis-cysticercosis complex where the disease occurs.

Abstract in Portuguese:

Milhares de famílias vivem nos assentamentos da reforma agrária, criados no Brasil desde a década de 1980. Fatores como aglomerações de famílias convivendo no mesmo ambiente de produção de animais domésticos podem favorecer a transmissão e manutenção de zoonoses nessas áreas. A epidemiologia e distribuição geográfica das doenças zoonóticas nas comunidades assentadas precisam ser destacadas. Neste sentido, o presente estudo objetivou investigar a prevalência, fatores de risco e distribuição espacial do complexo teníase-cisticercose nos assentamentos rurais da reforma agrária no estado de Minas Gerais. Um total de 497 propriedades da agricultura familiar, distribuídas em 52 assentamentos, foram selecionadas e amostradas aleatoriamente. Amostras biológicas de humanos, bovinos e suínos foram coletadas e processadas. Questionários epidemiológicos foram aplicados em cada propriedade para a coleta de dados sobre a produção animal, condições sanitárias, higiênicas e sociais de cada família. Amostras fecais humanas foram analisadas para detecção de infecção por teníase, e amostras de sangue de animais foram coletadas e submetidas a testes sorológicos para detecção de infecção por cisticercose. Foram encontrados três (0,35%) casos positivos para teníase humana, 64 (4,2%) para cisticercose bovina e 17 (3,3%) para cisticercose suína. A prevalência por unidade de agricultura familiar foi de 0,6% (3/497) para teníase por exame fecal, 5,8% (17/294) para cisticercose suína e 11,1% (52/469) para cisticercose bovina. O perfil espacial da teníase humana e da cisticercose suína agrupou-se em duas regiões distintas, enquanto a cisticercose bovina apresentou distribuição geográfica dispersa. Dois fatores de risco estiveram associados à ocorrência de cisticercose bovina: riacho como fonte de água (p=0,009) e meio ambiente como destino de esgoto (p=0,031), enquanto a queima de lixo mostrou-se um fator de proteção significativo (p<0,001). O fator de risco para cisticercose suína foi associado à presença de suínos caipira (p=0,008) e ao meio ambiente como destino do esgoto (p≤0,024). Estas doenças zoonóticas representam um risco significativo para a saúde pública devido à sua ocorrência em rebanhos que são produzidos tanto para consumo de carne quanto para comercialização. Neste estudo os assentamentos analisados se configuram em áreas endêmicas no estado de Minas Gerais, e esses achados sugerem a importância de maiores investimentos na educação em saúde pública, melhoria das instalações sanitárias dos assentamentos como fonte e tratamento de água e destinação adequada de esgoto. São necessárias ações integradas entre os setores de saúde humana, animal e ambiental, em âmbito local e regional, visando a adoção de políticas públicas efetivas de controle e erradicação do complexo teníase-cisticercose onde estiver presente.


#2 - Diagnosis and risk factors of bovine taeniasis-cysticercosis complex in Salinas, Minas Gerais, Brazil, 37(3):205-209

Abstract in English:

ABSTRACT.- Magalhães F.C., Santos T.M., Assis D.C., Ornellas C.D., Pinto P.A. & Santos W.M. 2017. [Diagnosis and risk factors of bovine taeniasis-cysticercosis complex in Salinas, Minas Gerais, Brazil.] Diagnóstico e fatores de risco do complexo teníase-cisticercose bovina no município de Salinas, Minas Gerais. Pesquisa Veterinária Brasileira 37(3):205-209. Departamento de Tecnologia e Inspeção de Produtos de Origem Animal, Escola de Veterinária, Universidade Federal de Minas Gerais, Av. Antônio Carlos 6627, Belo Horizonte, MG 30123-970, Brazil. E-mail: wagnerlmds@ufmg.br In order to diagnose the situation of bovine taeniasis-cysticercosis complex in the municipality of Salinas, Minas Gerais, Brazil, blood samples were collected from 355 cattle in 18 randomly selected farms. A socioeconomic questionnaire was filled in each farm for the analysis of factors which favor the maintenance of the taeniasis-cysticercosis complex. An epidemiological survey of human taeniasis was performed through analyses of the Municipal Health Department in the 2007-2010 period. A prevalence of 4.7% for bovine cysticercosis and the frequency of 0.29, 0.36, 0.24 and 0.24% for human taeniasis, during the evaluated period, was found. Among the risk factors, a statistically significant correlation was found between the occurrence of bovine cysticercosis and the ingestion of undercooked meat. It was concluded that bovine cysticercosis is present in the municipality of Salinas, due to inefficient heat treatment of the meat as the main risk factor for maintenance of the taeniasis-cysticercosis complex, reinforcing the need to adopt control measures with continuous epidemiological and health surveillance.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Magalhães F.C., Santos T.M., Assis D.C., Ornellas C.D., Pinto P.A. & Santos W.M. 2017. [Diagnosis and risk factors of bovine taeniasis-cysticercosis complex in Salinas, Minas Gerais, Brazil.] Diagnóstico e fatores de risco do complexo teníase-cisticercose bovina no município de Salinas, Minas Gerais. Pesquisa Veterinária Brasileira 37(3):205-209. Departamento de Tecnologia e Inspeção de Produtos de Origem Animal, Escola de Veterinária, Universidade Federal de Minas Gerais, Av. Antônio Carlos 6627, Belo Horizonte, MG 30123-970, Brazil. E-mail: wagnerlmds@ufmg.br Com o objetivo de diagnosticar a situação do complexo teníase-cisticercose bovina no município de Salinas, Minas Gerais, foram coletadas amostras de sangue de 355 bovinos distribuídos em 18 propriedades rurais, sorteadas aleatoriamente. Em cada propriedade, foi aplicado um questionário socioeconômico para a análise de fatores que favorecem a manutenção do complexo teníase-cisticercose bovina. Foi realizado também um levantamento epidemiológico dos casos de teníase diagnosticados nos laboratórios credenciados pela Secretaria Municipal de Saúde de Salinas, no período de 2007 a 2010. A prevalência de cisticercose bovina foi de 4,70% enquanto as prevalências de teníase, encontradas durante os quatro períodos avaliados, foram de 0,29%, 0,36%, 0,24% e 0,24%. Entre os fatores de risco para a manutenção do complexo teníase-cisticercose analisados, foi observada uma relação estatisticamente significativa entre a ocorrência de cisticercose bovina e a ingestão de carne malpassada pelos entrevistados. Foi concluído que a cisticercose bovina está presente no município de Salinas, Minas Gerais, sendo o tratamento térmico ineficiente da carne bovina o principal fator de risco para a manutenção do complexo teníase-cisticercose, o que reforça a necessidade da adoção de medidas de controle com contínua vigilância epidemiológica e sanitária.


#3 - Epidemiological survey of the taeniasis/cysticercosis complex in cattle farms in Viçosa County, Minas Gerais, Brazil, 33(4):449-452

Abstract in English:

ABSTRACT.- Santos T.O., Pinto P.S.A., Iasbik A.F., Silva L.F., Nieto E.C.A. & Guimarães-Peixoto R.P.M. 2013. Epidemiological survey of the taeniasis/cysticercosis complex in cattle farms in Viçosa County, Minas Gerais, Brazil. Pesquisa Veterinária Brasileira 33(4):449-452. Laboratório de Inspeção de Produtos de Origem Animal, Departamento de Veterinária, Universidade Federal de Viçosa, Avenida P.H. Rolfs, s/n, Viçosa, MG 36570-000, Brazil. E-mail: tatyvetoli@hotmail.com Despite the importance of human taeniasis/bovine cysticercosis for public and animal health and the economy, its actual epidemiological status in Brazil is not well-studied. We sought to assess the epidemiological profile of this zoonosis in the rural area of Viçosa County, Minas Gerais, Brazil. The prevalence of bovine cysticercosis was 0.42%, whereas no case of human taeniasis was diagnosed. Factors favoring the persistence of zoonosis were identified. These included the supply of untreated water to animals, animals raised for slaughter without sanitary supervision, poor mechanization of raising techniques, and the use of untreated water for human consumption. Bovine meat for human consumption acquired in the city or from the farm itself was characterized as a risk factor for bovine cysticercosis (Odds Ratio (OR) =16.77; p<0.05). Nevertheless, the families on the investigated farms did apply several appropriate measures to control this disease, such as the virtual lack of open sewers and the consumption of well-cooked meat. The presence of bovine cysticercosis cases, and the factors favoring its persistence, point to the need for constant epidemiological and sanitary surveillance in this county.

Abstract in Portuguese:

RESUMO.- Santos T.O., Pinto P.S.A., Iasbik A.F., Silva L.F., Nieto E.C.A. & Guimarães-Peixoto R.P.M. 2013. Epidemiological survey of the taeniasis/cysticercosis complex in cattle farms in Viçosa County, Minas Gerais, Brazil. [Inquérito epidemiológico sobre o complexo teníase-cisticercose bovina no município de Viçosa, Minas Gerais.] Pesquisa Veterinária Brasileira 33(4):449-452. Laboratório de Inspeção de Produtos de Origem Animal, Departamento de Veterinária, Universidade Federal de Viçosa, Avenida P.H. Rolfs, s/n, Viçosa, MG 36570-000, Brazil. E-mail: tatyvetoli@hotmail.com Apesar da importância do complexo teníase-cisticercose bovina para a saúde pública, animal e para a economia, a realidade epidemiológica da ocorrência dessas zoonoses no Brasil é pouco conhecida. Este estudo foi realizado com o objetivo de avaliar o perfil epidemiológico desta zoonose na zona rural do município de Viçosa, MG. A prevalência encontrada de cisticercose bovina foi de 0,42%, e nenhum caso de teníase humana foi diagnosticado. Foi verificada presença de fatores favoráveis a manutenção dessa zoonose, como fornecimento de água sem tratar aos animais, criação de animais destinados ao abate sem inspeção sanitária, criação de bovinos com baixa adoção de tecnologia, e utilização de água sem tratamento. O consumo de carne bovina oriunda da propriedade e da cidade foi caracterizado como variável de risco (OR=16,77; p<0,05) para a cisticercose bovina. Apesar disso, as famílias das propriedades pesquisadas possuíam hábitos favoráveis como medida de controle para o desenvolvimento desta parasitose, como a quase ausência de esgoto a céu aberto e a ingestão de carne bovina bem passada. A presença de caso de cisticercose bovina e de fatores considerados favoráveis a manutenção dessa parasitose, mostra a necessidade da contínua vigilância epidemiológica e sanitária neste município.


Colégio Brasileiro de Patologia Animal SciELO Brasil CAPES CNPQ UNB UFRRJ CFMV
-->